Início > Cotidiano do PN > PublishNews perde seu chapéu Panamá

PublishNews perde seu chapéu Panamá

Lembro-me daquele dia de 2006 como se fosse hoje. A caminho de um jantar na Lagoa, no Rio de Janeiro, o celular toca e o então gerente do PublishNews pede demissão. Eu tinha mudado para o Rio e começado na Thomas Nelson Brasil havia poucos meses e estava atolado com o trabalho de lançar uma nova editora. E, naquela época, o PublishNews ainda consumia capital mensalmente sem break-even à vista. Desliguei o celular e dentro do táxi mesmo, cruzando Botafogo, decidi fechar o PublishNews. E, muito triste, fui para meu jantar no Bar Lagoa.

Ricardo Costa e seu chapéu em jantar com a delegação inglesa da Publishers Association em um de seus restaurantes paulistanos favoritos: o Dalva e Dito

Foi naquela mesma noite, voltando para casa, que um nome me veio à mente: Ricardo Costa. Onde andaria meu amigo editor com quem tivera algum bom contato na organização de vários eventos, mas com quem pouco havia falado nos últimos anos. Ufa! Bastou alguns telefonemas no dia seguinte, e o PublishNews estava a salvo.

Ao longo dos últimos 6 anos, enquanto eu me dedicava a uma carreira de publisher no groupo Ediouro, o Ricardo revolucionou o PublishNews como negócio. Nosso faturamento duplicou em poucos meses e hoje é cinco vezes maior do que era em 2006. Além disso, crescemos internacionalmente, e isto ocorreu em grande parte graças à capacidade de networking que aquele sujeito sempre de chapéu Panamá – e tão simpático – tinha e exercia. Foi durante estes anos que viramos parceiros da Feira de Frankfurt, patrocinadores de mídia da Digital Book World e da Tools of Change, e apoiadores da Publishers Association de Londres. Passamos a ser convidados para feiras como as de Guadalajara, Londres, Buenos Aires e até Abu Dabi. Lançamos o PublishNews Brazil, levando em inglês notícias daqui para o mundo. Uau! E isso não é tudo! A verdade é que o Ricardo fez um grande trabalho nos anos em que dedicou ao PublishNews.

Mas nada dura para sempre. E agora chegou a vez do Ricardo recolher seu chapéu e buscar novos horizontes. É inegável, ele vai fazer muita falta e vai ser estranho não ver mais aquele sujeito de paletó, camiseta do PublishNews e chapéu Panamá no escritório e nos eventos editoriais. Se ninguém é insubstituível, o Ricardo é quase. E a gente vai sofrer um pouquinho logo depois que ele sair do PublishNews. Mas isto, perto do legado que ele deixou, não será nada. E tenho certeza de que ele vai construir um novo legado tão importante quanto o nosso em sua próxima atividade.

Do nosso lado, como deixei o grupo Ediouro há dois meses, vou reassumir a direção executiva do PublishNews com o apoio da Cássia Carrenho que já vinha cuidando da parte administrativa. Como havia dito, o Ricardo é quase insubstituível e, por isso, decidimos nem tentar substituí-lo. Como moro no Rio, minha vida agora será uma eterna ponte aérea, com casa, família e praia na Cidade Maravilhosa, e escritório, negócios e trabalho em São Paulo (the best of both worlds, diriam os leitores do PN Brazil). Minha ideia é expandir o PublishNews para algumas novas áreas e retomar as atividades de consultoria que havia abandonado quando assumi a Singular Digital, do grupo Ediouro.

Ricardo, vai com tudo, cara! Desejamos muito sucesso e temos certeza que você vai se sair muito bem em seu novo desafio. A amizade e o companheirismo seguem inabalados. E apareça na Vila Madalena para tomar um café sempre que puder.

Ah! E ao sair, não esqueça seu chapéu Panamá.

Anúncios
  1. Cláudia kriger
    28 de junho de 2012 às 1:06 pm

    Ric, fiquei orgulhosa com sua decolagem profissional… GBYA… Bj. Cláu Kriger

  2. 28 de junho de 2012 às 1:56 pm

    Ricardo!!!! Sentirei sua falta!!! Muita sorte na nova empreitada!!!

  3. Andreas
    28 de junho de 2012 às 10:16 pm

    Não sei os termos, motivos, destinos, etc. Um conheço desde… bom faz 36 anos e o outro já faz 6 anos. Acho único, louvável, maduro, moderno, amigo, carinhoso… a forma terminar uma relação profissional. Carlo e Ricardo, meu sincero desejo de sucesso aos dois.
    Abraços,

    Andreas

  1. 28 de junho de 2012 às 10:09 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: